Quem lê / Who's reading

"a escrita é a minha primeira morada de silêncio" |Al Berto

sábado, 17 de março de 2012

Crisálida / Chrysalis

Como todas as borboletas, começara por ser crisálida, frágil, envolta no seu casulo protector, talvez desinteressante, achariam alguns.
Mas descobriu que, se quisesse, podia transformar-se em borboleta.
E, apesar das dúvidas que a assaltavam, deixou que as asas crescessem, deixou que a côr  as invadisse, e rasgou a película que lhe tinha servido de casa por tanto tempo.
Gostou da sensação nova, de voar, de cortar o vento, de escolher os caules onde pousar, de procurar pólen, de se deixar estar nas flores do prado, desfrutando de um pouco de sol.
Imagem da Web
Mas, ao contrário de todas as outras borboletas, um dia voltou à pequena planta onde pela primeira vez voou.
Enrolou-se nas suas próprias asas, indiferente a como estavam mais coloridas, e tapou-se com o que restava do velho casulo.
Não sabe bem quanto tempo lá ficou. Talvez tenha sido apenas alguns dias. Ficou até que uma outra borboleta ali passou. Ficou talvez com curiosidade sobre aquela estranha crisálida, creio que a reconheceu, bateu à porta, não obteve resposta, está um dia lindo, disse, anda, sai, ainda há tanto para voar.
Sem movimento de resposta, seguiu.
A borboleta-crisálida espreitou para fora, viu o sol, o dia, o céu. Sim, queria sair, voar. Já descansara. 



Curiosidades:
# A borboleta é considerada um símbolo de ligeireza e de inconstância, de transformação e de um novo começo.
# No Japão, a borboleta é um emblema da mulher, por ser graciosa e ligeira. 
# Na mitologia grega, a personificação da alma é representada por uma mulher com asas de borboleta. 


Like all butterflies, she was born a chrysalis, frail, wrapped in her protective cocoon, maybe uninteresting, some would say.
But she discovered that, if she wanted to, she could turn into a butterfly.
And, despite the doubts that assailed her, she allowed her wings to grow, that colour would invade them, and she ripped the cloth that was her home for so long.
She enjoyed that new feeling, of flying, cutting through the wind, choosing the leaves in which to land, searching for pollen, letting her self be in the meadow flowers, enjoying some sun.
But, unlike all other butterflies, one day she returned to the small plant were she flew for the first time.
She wrapped in her own wings, unconcerned about the fact that they had more colour now, and covered her self with was left from the old cocoon.
She’s not sure how long she stayed there. Maybe just for a few days.  She was there until another butterfly went by. Maybe was curious about that strange chrysalis,  I believe there was also recognition, knocked on the door, no answer, it’s a beautiful day,  come on, come out, there’s still so much to fly.
With movement as a response, went away.
The butterfly-chrysalis peeked outside, saw the sun, the day, the sky. Yes, she wanted to go out, to fly. She had rested.


Curiosityes

# The butterfly is a symbol od slight and inconstancy, of transformations and new beginings.
# In Japan, the butterfly is a symbol of the woman, because she is gracefull and slight.
# In greek mihtology, the personification of the soul is represented by a woman with butterfly wings.

16 comentários:

  1. Beautiful thoughts, thank you. Happy weekend, friend.

    ResponderEliminar
  2. todo um encantamento de palavras que deliciam a leitura acompanhando um momento de vida com rara beleza e profundo "click" para a interpretação da mensagem.




    a...té

    ResponderEliminar
  3. Belo texto, adoro borboletas, é o significado do meu nome...

    Bjos

    ResponderEliminar
  4. Olá vim conhecer seu Blog e gostei
    muito belas postagens,tem coisas
    boas por aqui,essa postagem é maravilhosa
    Abraços de bom final de semana
    Bjuss Rita!!

    Espero sua visita
    http://cantinhovirtualdarita.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  5. Não sabia da importãncia da borboleta no Japão.
    Interessante ler este seu post. Realmente todos os dias
    aprendemos.
    É bom que visite meu blogue. Eu percebo pouco é das partes
    técnicas, por exemplo nem sei como colocar "hiperligações
    para esta mensagem", até é capaz de ser simples, mas eu não
    sei. Tenho outros blogues, o meu primeiro é
    http://intemporal-pippas.blogspot.com
    Um beijinho e bom domingo.
    Irene Alves

    ResponderEliminar
  6. gostei muito do que li, e fiquei a saber coisas que não sabia.

    uma boa semana.

    obrigada.

    beij

    ResponderEliminar
  7. é sim, a alma é uma borboleta

    um abraço

    ResponderEliminar
  8. Também nós devemos sair o mais possível do casulo e voar.
    Belíssimo texto. Gostei imenso.
    Beijos, querida amiga.

    ResponderEliminar
  9. Um texto belissimo e é sempre bom ficar a saber o que não se sabe!

    óptima semana ,beijo

    Carla Granja

    http://paixoeseencantos.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  10. Tomara ter um casulo, onde me pudesse refugiar por vezes.
    Gostei muito
    Bjs

    ResponderEliminar
  11. Eu adoro a farfalla (borboleta) e seus movimentos. Aqui, as vezes, aparecem as laranjas e amarelas. Onde eu morava eram as brancas. Também via alguns casulos, mas hoje vejo apenas as asas em movimentos, prestes a findar-se. rs

    bacio

    ResponderEliminar
  12. Minha querida

    Tudo o que se faz com carinho e amor é poesia...não é só quem rima com as palavras que é poeta...a poesia está em cada alma...em cada gesto...em cada coração.
    Parabéns pelo dia da poesia.

    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  13. Apenas o meu insecto preferido!

    beijos :)

    ResponderEliminar
  14. Há que se voar, mas tb descansar.

    Uma bonita metáfora.Gostei :)

    Beijinho.

    ResponderEliminar
  15. não imaginas, como gostei deste teu texto..

    com tanta verdade e beleza.

    Beijo

    ResponderEliminar
  16. vivemos a correr, desaustinados...
    tanto, tanto que passamos pelas coisas belas sem as ver...

    ao reler, hoje, o teu blog lá atrás reparei no discreto link, pois... só hoje.

    senti sobretudo a profundidade da mensagem :))
    lindo
    e não só

    beijo

    ResponderEliminar

Um espaço para recortes que completem o álbum de instantâneos... Obrigada pela visita!
A space for clip to complete this snapshot album... Thank you for your visit!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares / Popular messages